Skip to content

Novos buscadores buscam nichos renegados pelos gigantes

01/06/2008

É possível utilizar sempre os mesmos buscadores sem que muitas das limitações de Google, Yahoo e Live Search tenham um impacto direto no seu cotidiano. Há, porém, grupos de novos serviços de busca em ascensão, que tentam explorar funções ainda renegadas pelos três grandes buscadores. Para isso, eles apostam em nichos do mercado.
Entre as novas ferramentas de busca que dão um visual mais gráfico às suas procuras na rede, como o SearchMe e o Flowww, serviços que apostam na semântica das suas palavras, como o Mahalo, e sites especializados em buscar bancos de dados específicos – como o Flickr ou o RapidShare.
Saiba mais sobre eles a seguir:

Mahalo
Até o mais iniciante dos usuários sabe muito bem como as atuais buscas funcionam: você escreve os termos que acha mais relevantes ao assunto e o site listas quais páginas do seu gigantesco índex mais relação têm com as palavras.
O Mahalo dá um passo em direção à semântica das informações ao usar humanos que relacionam os resultados mais populares de cada termo nos buscadores convencionais, com notícias recentes sobre o assunto e informações pontuais que ajudam a contextualizar o assunto.
Pegue, por exemplo, o iPhone 3G como exemplo – ao invés de simplesmente trazer os sites mais importantes, o Mahalo traz notícias, comentários na blogosfera, buscas relacionadas e um box lateral explicando o que é o suposto aparelho da Apple.

PowerSet
O PowerSet é outro buscador que tenta se desvencilhar da mera comparação entre os termos digitados e as páginas armazenadas. Ainda que de forma bastante incipiente e só sobre o conteúdo da Wikipédia, o buscador aceita uma linguagem mais casual e aceita algumas perguntas do usuário.
Ao questionar quais os filmes que Alfred Hitchcock dirigiu, por exemplo, o PowerSet traz os cartazes de todos os filmes do diretor. A função, porém, ainda é restrita para poucos verbetes. Ainda assim, o PowerSet oferece uma ferramenta complementar para navegar pelas informações da Wikipedia, indicando os principais assuntos dos artigos e, a partir de suas frases, criando novos tópicos sobre atividades de personalidades, por exemplo.

SearchMe
Você digita os termos, dá o Enter e vê aquela lista que se estende até o final da página com um conjunto de textos curtos e links. No caso de você ter processamento e paciência suficientes, pode ignorar a lógica da objetividade e partir para a da apresentação com o SearchMe.
Ao invés dos links, o SearchMe faz uma cópia da página, apresentada no mesmo estilo da função Cover Flow, integrada pela Apple em iTunes, iPods e iPhones, com uma barra inferior que ajuda na navegação.
Ao realizar buscas de termos compostos, o SearchMe faz o favor de grifar o posicionamento das palavras na página, o que facilita muito a leitura do conteúdo. O serviço ganhou recentemente categorias, como Notícias, Software, Música e Blogs, que ajuda a refinar as buscas, baseadas em um algoritmo focado na língua inglesa, o que faz com que os resultados do SearchMe em português sejam ruins.
Efeito semelhante, desta vez focado no noticiário de tecnologia, usa o Flowww, que se baseia nos serviços Digg e TechMeme para demonstrar cópias inteiras das notícias mais comentadas de tecnologia do momento.

Buscadores do Flickr
O gigantesco banco de imagens do Flickr merece uma busca mais poderosa que a oferecida pela subsidiária do Yahoo, nem que seja apenas pelo lado lúdico de agregar fotografias conforme o termo buscado.
Pegue o CompFight como exemplo: você digita o termo (“panda”, por exemplo) e sua tela fica apinhada com as fotos mais interessantes no Flickr que usem a tag “panda” segundo o próprio serviço. O CompFight pode fazer distinções pela licença de uso, tamanho e conteúdo protegido.
O Flickr Related Tag parte do mesmo princípio, mas é ainda mais visual. Digite um termo específico para que uma interface circular em Flash traga, em seu centro, um apanhado das fotos mais recentes com a tag.
Ao redor, o serviço mostra outras tags relacionadas com a que você digitou para uma exploração mais profunda do assunto.
Um passo além, o Tag Galaxy atinge o ápice da liberdade na visualização de imagens criando “constelações” que representam tags mais usadas pelos usuários para exibir “planetas” formados pelas fotografias relacionadas ao assunto.
Os planetas podem ser rotacionados para que o usuário encontre a foto mais interessante com a tag ou simplesmente abandonados em nome das estrelas vizinhas que contenham arquivos mais interessantes.
Ainda em imagens, o TinEye promete fazer às imagens o que o Google fez aos textos, encontrando imagens semelhantes à referenciada em uma base com cerca de 500 milhões de arquivos. O serviço ainda está fechado para testes.

RapidShare
Admita: você adora o RapidShare e seus serviços semelhantes. O problema sempre foi depender das indicações de links em blogs e fóruns e simplesmente não conseguir mergulhar no banco de dados dos sites pra achar algumas preciosidades.
Entre a multidão de buscadores para serviços de armazenamento multimídia, são três os que apresentam melhores resultados: o FilesTube, o RSFind.com e o FilesHunt.
Nos três, a busca enumera os links, no RapidShare principalmente, com o álbum, filme ou série desejada pelo usuário. Se você é fã dos torrents, o Torrent-Finder agrega dezenas de outros buscadores de arquivos torrent sob uma mesma ferramenta, que permite até mesmo o download do arquivo na lista de resultados.

Twitter
Tal qual o Flickr e o RapidShare, o Twitter é um banco de dados gigantesco composto por textos curtos. Como a ferramenta de busca do Twitter deixa muito a desejar, vários foram aqueles que tentaram criar um buscador decente para o serviço.
O Summize é o melhor entre uma relação de buscadores para Twitter que ainda conta com o TweetScan, o Flaptor e o TerraMinds. Você simplesmente digita o nome do usuário ou termo preferido e o Summize traz uma listagem na grande maioria dos casos bem fiel aos posts publicados.
Há falhas, claro – é difícil ter acesso apenas às mensagens com seu nome sem ver todas as que você publicou e falta à “busca avançada” ferramentas realmente avançadas. Ainda assim, o Summize é a melhor maneira de se encontrar no Twitter.

Fonte: IDGNow!,olhardigital.uol.com.br

From → Web

2 Comentários
  1. Colossos permalink

    Legal,ainda não conhecia.Se souber de mais algum poste aqui pra gente ficar sabendo.valeu.

  2. Jorge Sales permalink

    eu gosto desse – http://www.pesquisapremiada.com – vc pesquisa no Google e ganha prêmios e descontos em lojas parceiras!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: