Skip to content

MusicTracker – Pidgin com Status Musical

30/04/2008

A definição dos desenvolvedores para o pidgin é esta abaixo,em tradução livre:

“MusicTracker é uma extensão (plugin) para o Pidgin (antigo Gaim) que mostra a faixa musical que está sendo tocada na mensagem de estado de várias contas como AIM, Yahoo, MSN, Gtalk (Jabber), etc.,qualquer protocolo do Pidgin que suporta estados personalizados. É planejado um suporte a uma grande variedade de tocadores de áudio tanto na plataforma Windows como na Linux. Atualmente os seguintes tocadores são suportados: Amarok, Rhythmbox, Audacious, XMMS, MPC/MPD, Exaile, Banshee, Quod Libet no Linux. Winamp, Windows Media Player (9+), iTunes, Foobar2000 (suporte incompleto) no Windows.”

Existem duas possibilidades de instalação em binário (.deb) e código-fonte compilado,distribuído na forma de um pacote tar.bz2. A página oficial do projeto está hospedada em :

http://code.google.com/p/musictracker/

Dependências

O MusicTracker depende de alguns pacotes para ter sua compilação e funcionalidade completa, os pacotes são:

* O Pidgin (pidgin, pigin-data) e seus pacotes de desenvolvimento (pidgin-dev);
* Biblioteca PCRE e seus pacotes de desenvolvimento (libpcre3-dev);
* DBUS-Glib.

Para usuários que são da família debian e queiram compilar o plugin basta instalar as dependências abaixo,digite no terminal:

$ sudo apt-get install pidgin pidgin-data libpcre3-dev pidgin-dev

ou para quem preferir o aptitude

$ sudo aptitude -P install pidgin pidgin-data libpcre3-dev pidgin-dev
obs: A opção -P serve para perguntar (sim/não) a confirmação do download,útil para vermos antes se queremos realmente baixar trocentas dependências,que é o que vai acontecer caso você opte por compilar o MusicTracker,afinal ele vai precisar de todas as bibliotecas de desenvolvimento necessárias para efetuar a compilação,as famosas algumacoisa-dev.Mais espaço e recursos serão consumidos,a escolha é sua.

Entretanto como citado existe a opção do binário em :
http://www.getdeb.net/app/pidgin-musictracker

Até a data da confecção deste tutorial só tinha estes dois binários lá:
Ubuntu Gutsy 32 bits – 0.4.1
Ubuntu Gutsy 64 bits – 0.4.1

Caso utilize o OpenSuSe ou Fedora faça assim:

OpenSuSE

Selecione os pacotes pcre-devel e pidgin-devel no YaST.


Fedora

# yum install pcre-devel pidgin-devel


Compilar e instalar o MusicTracker
.
Este procedimento abaixo é válido para qualquer distribuíção linux porque vamos compilar o código-fonte e instalar o plugin

1.0 – Fazer o download do MusicTracker,no terminal mesmo digite:

$ wget -c http://musictracker.googlecode.com/files/musictracker-0.4.1.tar.bz2

1.1 – Extraír seu conteúdo:

$ tar -xjvf musictracker-0.4.1.tar.bz2

1.2 – Entrar na pasta criada com o comando acima:

$ cd musictracker-0.4.1/

1.3 – Configurar o compilador:

$ ./configure

1.4 – Compilar e instalar:

$ make
$ sudo make install

Se tudo correr bem,basta abrir o pidgin,configurar o plugin e usar.Pra isso basta ir em Ferramentas > Plugins, achar o MusicTracker e habilitá-lo. Após habilitá-lo, nesta mesma janela selecione Configurar Plug-in, onde você pode customizar a mensagem musical, colocar filtros nelas e etc.

Na aba Player, você pode escolher o programa que está executando para tocar as músicas,Atualmente os seguintes tocadores são suportados:Amarok, Rhythmbox, Audacious, XMMS, MPC/MPD, Exaile, Banshee, Quod Libet.Escolha o seu e pronto

Já nas mensagens você pode personalizá-las de acordo com seu gosto, existem diversos atributos, e todos estão listados a seguir:

  • %p – Artista
  • %a – Álbum
  • %t – Título
  • %d – Tempo de duração da música
  • %c – Tempo atual da execução da música
  • %b – Barra de Progresso
  • %r – Player que está sendo executado
  • %m – Símbolo de música (não funciona em algumas redes).

Exemplo:

Ouvindo %m: %t – %p | No Player: %r
Apareceria algo como: Ouvindo (símbolo de música): Your Song – Elton John | No Player: Rhythmbox

É possível configurar as mensagens para quando o player estiver tocando, quando estiver pausado e até quando estiver parado. Você pode também configurar o plugin apenas para certas contas, por exemplo eu não quero que a minha conta do Gtalk (Jabber) mostre estados musicais, então clico na aba “Customize status, or disable…” e marco o checkbox do “Disable” para minha conta do Gtalk.
Para habilitar os filtros, basta marcar o checkbox “Enable Status Filter”, lá você pode escolher as palavras para filtrar “Blacklist” e caso queira mais de uma é só colocar uma vírgula e a próxima, por exemplo (Bill,Ballmer,Jobs) quando a música contiver Bill ouBallmer ou Jobs ela terá os caracteres substituídos pela máscara definida na aba “Mask Character” você pode trocá-la para, por exemplo, * e qualquer outra de sua escolha. No proprio programa já vem algumas sugestões de palavras,em inglês,que chamaríamos de “palavrões” por aqui e em “Mask Character” eles colocaram um * que é um caractere-coringa que representa quaisquer string definida na blacklist.

Bom, após entender as configurações do MusicTracker, você pode personalizá-lo a seu gosto, é um plugin simples de configurar. Bom proveito.

From → Linux, Windows

2 Comentários
  1. Colossos permalink

    Cara,aqui funciona perfeitamente,que tipo de instalação tu usou? O binário ou compilado? Eu estou usando a versão 0.4.1-1 do musictraker no ubuntu 8.10.Já faz tempo que instalei,mas agora parece que está disponível no synaptic. De qualquer forma neste link tem a versão para o Intrepid: https://launchpad.net/ubuntu/intrepid/+package/pidgin-musictracker

  2. Anonymous permalink

    Cara, segui a risca o tutorial e mesmo assim não obtive sucesso😦
    as músicas não aparecem.
    Uso o Ubuntu 8.10 e o pidgin 2.5.2

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: